Thursday, July 7, 2016

Não deixem o poeta morrer!

      This is a friend of mine, who I recently discovered writes poetry.
I would like to thank her for sharing her work and I hope she comes back soon. :) :) :)


        Não deixem o poeta morrer!
Não deixem o poeta morrer!
Eu não sei fazer a rima

Mas na poesia tenho estima

Eu sinto a pena do poeta no peito
Um turbilhão de emoções
Que se tocam,encontram e desencontram
Num soneto quase perfeito

Eu sinto respeito

Pelo poeta,profeta
Que em si carrega as dores do mundo
num sentir todo ele raro e profundo

Há quem não o entenda
E o tome por desgraçado,o coitado!

Enganem-se os que não sentem
Pobres dos que não vêm

A grandeza desta alma
A pureza de o ser
O sofrer
E assim mesmo
Continuar a amar a poesia

Não deixem o poeta morrer!
         (Ana Beatriz Carvalho  ©2016)